Viva os Anos 70

Novidades

Carrinho de Rolimã - Descendo a Ladeira

Nos Anos 70, a carência de áreas de lazer na cidade de São Paulo motivou iniciativa parecida, a experiência das Ruas de Lazer promovida pela Secretaria de Esportes do Município hoje em dia.



As vias e praças escolhidas eram fechadas com cavaletes aos domingos, e o asfalto onde circulavam carros passava a ser um espaço ocupado por crianças e adolescentes com “carrinhos de rolimã, skate, bicicleta e bolas” como descrevia a matéria do Estado de 29 de maio de 1976.

 Estado de 29 de maio de 1976.
 Estado de São Paulo de 29 de maio de 1976.

Carrinho de Rolimã é um  carrinho construído de madeira e rolamento de aço, sendo muito utilizado em descidas asfaltadas e lisas.



Quem tem mais de 35 anos, lembra muito bem desse brinquedo, que teve uma popularidade muito grande nos anos 70 e 80. E em todos os bairros de ruas asfaltadas na época, tinha aquela ladeira mortal onde a insanidade predominava e quase quase nenhum equipamento de segurança.



Em tempos de games e XBox, um carrinho de rolimã pode cair como um presente SENSACIONAL para as crianças. E olha que tá cheio de adulto sentando e lembrando da infância bem vivida na rua.

A construção de um carrinho de rolimã é normalmente artesanal, feita com ferramentas simples, como martelo e serrote. O carrinho pode conter três ou quatro rolamentos (quase sempre usados, dispensados por mecânicas de automóveis) e é construído de um corpo de madeira com um eixo móvel na frente, utilizado para controlar o carrinho enquanto este desce pela rua. O freio deve ser um pouco maior que a distância do carrinho até o chão e precisa ficar em posição diagonal; para diminuir a velocidade deve puxar-se o pedaço de madeira ou uma barra de ferro para uma posição em que encoste no chão (apesar que a maioria utilizada os chinelos como freios).




Visto como um brinquedo politicamente incorretos, sempre é bom ter cuidado, a brincadeira pode se tornar perigosa em lugares muito íngremes ou quando não se toma cuidado. Quantas vezes as crianças apareciam todos arranhados com o choque em alta-velocidade junto o asfalto ?

Origem do Carrinho de Rolimã


Não se sabe ao certo a origem. Ao que tudo indica os primeiros exemplares foram construídos em cidades como São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte no final da década de 1960 e começo da década de 1970, primeiras cidades a terem ruas asfaltadas e topografia íngreme. Os rolamentos, também conhecidos como rolimãs, eram obtidos em oficinas que faziam manutenção dos carros da época e a madeira, de sobra de caixas ou tábuas utilizadas em obras. Os melhores rolamentos vinham da transmissão.

Descendo a Estrada da Graciosa de rolimã - Anos 70


"Descendo a serra do mar, estrada da graciosa, com carrinhos de rolimã, década de 70. Na época havia pouco tráfego de carros e ninguém tinha a pressa e impaciência no transito. Paravam para olhar ou seguiam a gente sem buzinar nem xingar. Hoje nem pensar em fazer isso com esse bando de malucos estressados e bêbados dirigindo."





Nenhum comentário